COPA DO BRASIL

Com dez, Flamengo goleia Grêmio em Porto Alegre e fica perto da semifinal da Copa do Brasil

Bruno Viana, Michael, Rodinei e Vitinho marcaram os gols, todos no segundo tempo

Mengão marcou todos os gols no segundo tempo, três deles com um jogador a menos / Alexandre Vidal/CR Flamengo Mengão marcou todos os gols no segundo tempo, três deles com um jogador a menos / Alexandre Vidal/CR Flamengo

A semifinal da Copa do Brasil é logo ali para o Flamengo. Abrindo o confronto pelas quartas de final, nesta quarta-feira (25), o Rubro-Negro foi à Porto Alegre e goleou o Tricolor por 4 a 0, mesmo jogando todo o segundo tempo com um jogador a menos, e abriu vantagem gigante. Os dois times voltam a se enfrentar no dia 15 de setembro, no Maracanã, e o time carioca pode perder por até três gols de desvantagem.

O Jogo

O Grêmio com menos de um minuto chegou com perigo, em finalização de Borja pelo lado direito da pequena área, mas a bola foi pela linha de fundo. A primeira finalização do Flamengo foi aos 7, em cobrança de falta lateral de Arrascaeta na cabeça de Bruno Viana, que tocou por cima. Aos 11, o Grêmio chegou mais uma vez: Rafinha arrancou na diagonal e serviu Douglas Costa, o atacante chutou de primeira, mas sobre a meta. Três minutos depois, Alisson e Borja tabelaram, e o meia saiu na cara do gol, porém tocou pela linha de fundo.

Após início intenso, a partida ficou com um ritmo mais cadenciado e o Grêmio com a posse. Porém, o Tricolor não conseguiu transformar o domínio territorial em chances de gol. A partir dos 30 minutos, o Flamengo começou a ter mais a bola e criou chances com Arrascaeta, Everton Ribeiro e Bruno Henrique. Porém, o Rubro-Negro perdeu Isla, expulso, pelo segundo cartão amarelo, aos 44. O Tricolor ainda teve uma grande chance com Ferrerinha, aos 48, mas ele chutou por cima. Com isso, ninguém conseguiu marcar na etapa inicial.

No segundo tempo, a primeira oportunidade foi do Flamengo. Aos três minutos, Michael recebeu na esquerda, cortou para o meio, bateu bonito e obrigou Gabriel Chapecó a fazer bela defesa. E aos oito minutos, Bruno Viana aproveitou a sobra de bola em cobrança de escanteio, chutou, ela desviou na defesa gremista e matou o goleiro, inaugurando o marcador em Porto Alegre.

O Tricolor por pouco não empatou no ataque seguinte: Rafinha encontrou Alisson na área, ele chutou firme e a bola explodiu no travessão. Aos 20, Borja recebeu o cruzamento, testou firme, mas Diego Alves espalmou. Aos 29, o Fla teve boa chance de aumentar o marcador, em passe de Michael para Everton Ribeiro, mas o meia finalizou para fora.

O Grêmio, atrás no placar, tentou se lançar mais ao ataque de forma ofensiva, porém dava espaços para os contra-ataques. Em um deles, o Rubro-Negro fez o segundo: aos 39, Vitinho lançou Michael, o atacante ajeitou e soltou uma bomba de direita para aumentar o placar. Aos 45, novamente Vitinho levantou na área, e Rodinei apareceu no segundo pau para fazer o terceiro. Já aos 47, o Tricolor perdeu Vanderson, expulso. Com isso, o Fla ainda conseguiu ampliar o marcador: de pênalti, Vitinho fez o quarto, aos 51 minutos e fechou o placar na Arena.

Comentários