COVID-19

Ministério libera R$ 1,7 milhão para custear 36 leitos de UTI em Dourados

Repasse federal custeia leitos de UTI destinados para atendimento de pacientes com Covid - Crédito: Marcos Silva / Divulgação Repasse federal custeia leitos de UTI destinados para atendimento de pacientes com Covid - Crédito: Marcos Silva / Divulgação

O Ministério da Saúde autorizou a liberação de R$ 1.728.000,00 para custear o funcionamento de 36 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) destinados ao atendimento exclusivo de pacientes adultos diagnosticados com Covid-19 em Dourados. 

De acordo com a Portaria GM/MS nº 1.453, de 29 de junho de 2021, publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira (30) e assinada pelo ministro Marcelo Antônio Cartaxo Queiroga Lopes, o valor é correspondente às despesas deste mês.

O Dourados News apurou que R$ 480.000,00 correspondem a 10 leitos no Hospital Evangélico Dr Sra Goldsby King, outros R$ 240.000,00 por seis no HU-UFGD (Hospital Universitário da Universidade Federal da Grande Dourados), mais R$ 240.000,00 por cinco no Hospital Santa Rita, além de R$ 480.000,00 por 10 no Hospital da Vida. 

A liberação da transferência de recurso financeiro em caráter excepcional possibilita o custeio de 24.580 leitos das Unidades de Terapia Intensiva - UTI Tipo II Adulto e Pediátrico dos Estados e Municípios, “para atendimento exclusivo dos pacientes COVID-19, correspondente ao mês de junho/2021, cuja solicitação de autorização tenha sido feita com base na Portaria GM/MS nº 829, de 28 de abril de 2021”.

Conforme o Ministério da Saúde, “as despesas autorizadas nos termos desta Portaria são referentes ao mês de junho de 2021 e corresponderão ao montante total de R$ 1.177.728.000,00 (um bilhão, cento e setenta e sete milhões e setecentos e vinte e oito mil reais), referente a recurso do Bloco de Manutenção das Ações e Serviços Públicos de Saúde”.

Comentários